terça-feira, junho 17, 2014



AGUARELA

Meus olhos, mais que o meu pincel,
Louvam teu rosto em aguarela.
Meu doce amor, a vida é bela
Mesmo espelhada num papel.

Relva, 2014-06-17
Aníbal Raposo

Aguarela incompleta de Vladimir Volegov 

Sem comentários:

Gosto de te reinventar em cada esquina do meu pensamento. De te pintar com as cores da tua luz. A que os prismas da ...