segunda-feira, setembro 05, 2016











DO ERRO

Todo aquele que viveu
Falhou na sua jornada. 
Quem erros não cometeu
É porque nunca fez nada.

Relva, 2016-09-05
Aníbal Raposo

Sem comentários: