sexta-feira, julho 04, 2014













FUTEBOL

No desfecho feliz que se deseja
Não podendo ser um que o outro seja.

Relva, 2014-07-04
Aníbal Raposo

Sem comentários: