terça-feira, julho 24, 2012


















INSTABILIDADE

Por vezes, me quedo
a pensar, também:


a Terra balança
nesta negra dança
de festança e medo.


Apenas um dedo
mago de criança
ainda a sustém.

Aníbal Raposo
Ponta Delgada 2012-07-24


(foto de Miguel Bidarra)

2 comentários:

Por Amor disse...

Verdadeiras são as suas palavras meu amigo ... peçamos ao DIVINO que este dedo de criança não desista de sustenta-la nunca ...Parabéns ...Com carinho Pedro Pugliese

Maria Campos disse...

Lindo e verdadeiro, Aníbal!

Penso muitas vezes assim...

Umas boas férias!