quarta-feira, janeiro 29, 2014

















CREDO

Creio que um sol radioso,
E com brilho singular, restará de mim
Quando eu, sorrateiramente,
Me escapar, ao cair da noite,
Neste meu velho navio,
Demandando a luz eterna.

Relva, 2014-01-29
Aníbal Raposo

1 comentário:

Graça Pires disse...

"Creio que um sol radioso,
E com brilho singular, restará de mim"... E pode crer.
Muito belo.
Um abraço.